Vendas: como elas seriam com essas características?

Para atuar com vendas, você deve ter suas ferramentas afiadas.

Para ilustrar o tema, descrevo uma breve história, entre um jovem e um velho lenhador.

Um jovem lenhador desafiou o seu velho Mestre sobre quem teria mais domínio e habilidade no uso do machado. Ganhava a disputa aquele que cortasse mais árvores durante um certo tempo. E assim iniciaram, sendo que o jovem saiu em disparada a cortar suas árvores. Entre uma árvore e outra o jovem olhava para o Mestre, a uma certa distância, mas na maior parte das vezes o via sentado. O jovem voltava às suas árvores, certo da vitória, sentindo piedade pelo velho Mestre. No final do dia viu-se que o velho Mestre tinha cortado muito mais árvores que o jovem.

– Mas como é que pode? – surpreendeu-se – Quase todas as vezes em que olhei, você estava descansando!

– Não, meu filho, eu não estava descansando. Eu estava afiando o machado. Foi por isso que você perdeu a competição.

vendas

As vendas possuem um forte componente emocional, tanto para compradores como para os vendedores.

Do lado do comprador, escolher investir uma soma considerável de dinheiro em um produto ou serviço requer a crença na oferta.

Já no lado do vendedor, estes devem construir relacionamento genuíno com quem compra.

Assim como se preocupar com os objetivos dos compradores, a ponto de sentir a dor deles como se fosse sua.

No entanto, deixar as emoções à solta é contraproducente para o processo de vendas.

 

Então, nas vendas, onde fica o equilíbrio entre a razão e a emoção?

Nesse SlideShare, baseado na consultoria SG Partners, apresentamos cinco características emocionais que os grandes vendedores possuem como cartas na manga.

Descubra quais são essas características, e tome certo tempo para “afiá-las”. E com isso atingir altos resultados emocionais, mantendo a razão, para ganhar o jogo junto com o cliente.

Se fez sentido para você, cadastre-se em nossa newsletter abaixo.

About the Author Leandro Rasia

Leave a Comment: