348 exibições & 110 visualizações

Alinhando suas equipes

Muitos gestores, em posição de liderança, gastam muito tempo elaborando declarações de visão, missão, valores, declarações de propósito e assim por diante. Mas não passam o tempo suficiente tentando alinhar suas equipes com os valores e visões já em vigor.

Liderança: como fazer o alinhamento dentro de sua empresa?

Tão importante quanto definir tais declarações, é importante se concentrar no processo de alinhamento destes por toda a empresa. Afinal, de que adianta haver um lindo planejamento estratégico, se isso não se reproduz dentro da empresa?

A criação de alinhamento

A criação de alinhamento pela liderança, para preservar os valores fundamentais da organização, para reforçar a sua finalidade, e estimular a evolução para as suas aspirações é o que faz a diferença.


Quando você tem um excelente alinhamento, um visitante pode cair de paraquedas em sua organização e entender o propósito sem ter que ler esta no papel.


O alinhamento é uma das 6 características da Zona de Alta Frequência, conforme o autor Paul Deslauriers.

Na verdade, os fundadores de organizações grandes e duradouras como a Hewlett-Packard, a 3M e Johnson & Johnson frequentemente não tinham uma declaração de visão quando eles começaram. Eles geralmente começaram com um conjunto de valores fundamentais pessoais fortes e uma força implacável para evoluir, assim como uma incrível capacidade de traduzi-los em mecanismos concretos. A 3M, por exemplo, sempre teve um senso de sua inovação como um dos principais valores, protegendo o indivíduo criativo, resolvendo problemas de forma a tornar a vida das pessoas melhores.

Isso definiu a organização e deu-lhe uma alma. Mas o que realmente torna a 3M única foi a capacidade de sua liderança para criar mecanismos que tornam estes princípios vivos traduzindo-os em ação. Por exemplo, a 3M permite aos cientistas a gastar 15% do seu tempo para trabalhar sobre o que lhes interessa; tem um fundo de capital de risco interno de apoio a novos empreendimentos promissores; concede prêmios de prestígio para inovações e sucesso empresarial, e assim por diante.

Como fazer?

Criar alinhamento é um processo em dois momentos. O primeiro é identificar e corrigir desalinhamentos. A segunda é a criação de novos alinhamentos.

IDENTIFICAR E CORRIGIR DESALINHAMENTOS

Identificar desalinhamentos significa olhar em torno da organização, falar com as pessoas, recebendo informações e perguntando: “Se estes são os nossos valores fundamentais, quais são os obstáculos que estão no nosso caminho?” Por exemplo, muitas organizações dizem que respeitam e confiam em suas equipes para fazer a coisa certa, mas eles minam essa afirmação agindo de outra forma. Os desalinhamentos ocorrem porque anos de políticas e práticas tornaram-se institucionalizados e obscurecem valores da empresa.

Por exemplo, digamos que uma organização lança um novo serviço sem coordenação de seus processos internos, criando problemas para os clientes. Para se certificar de que não volte a acontecer, as lideranças instituem um processo fora do sistema para cada novo serviço que é introduzido. Essa política continua encravada nas operações e longo tempo depois as pessoas se esqueceram por que ele foi criado. Em algum momento, os colaboradores começam a reclamar sobre o processo, reconhecendo a sua incompatibilidade com a noção de respeito e confiança para o indivíduo. A primeira tarefa para os líderes, então, é criar um ambiente e um processo que permitam que as pessoas identifiquem e eliminem essas distorções com segurança.

Eu recomendo a trabalhar na co-criação junto com as pessoas em toda a organização. Peça a cada indivíduo para identificar algo em seu trabalho diário que é inconsistente com os valores fundamentais da organização. Atuando em grupos, você pode identificar os desalinhamentos fundamentais e elaborar ações que ajustem esses processos.

A CRIAÇÃO DE NOVOS ALINHAMENTOS PELA LIDERANÇA

O verdadeiro alinhamento significa ser criativamente compulsivo. Significa ir além. É uma tarefa da liderança. Considere, por exemplo, que uma pequena empresa defende a melhoria contínua da satisfação do cliente. Eles dizem aos clientes:

“Se há alguma coisa que você não gosta em nossos serviços, simplesmente não pague por ele. Deduza o montante da fatura e envie-nos um cheque para conciliação”.

Isso é um mecanismo de fortalecimento do alinhamento. Enquanto muitas organizações de sucesso descansam sobre os louros, essa empresa faz o contrário. Eles criaram um sistema que torna difícil, senão impossível, tornar-se complacente sobre como melhorar continuamente a satisfação do cliente. Isso vai muito além do que outras organizações normalmente fazem.

Um outro exemplo, é a adoção de um processo no qual dentro de suas primeiras 48 horas no trabalho, todos os novos funcionários vão passar por um processo de orientação para aprender qual o propósito da empresa. Eles vão estudar a sua história e filosofia. Eles vão atuar junto com um executivo sênior. Isso é uma definição concreta e específica de dois requisitos de um mecanismo de alinhamento eficaz.

Outra alternativa é fazer com que as pessoas descubram quais são seu propósitos pessoais, para após, conectar isso com o propósito da empresa. Todos as pessoas da equipe podem realizar o seu planejamento estratégico pessoal, com sua missão de vida, legado e valores.

Esse é um processo que pode ser ensinado a quem está em posição de liderança, de forma que possam replicar o processo dentro da empresa.

Afinal, se cada membro da equipe não souber quais são seus propósitos, qual o sentido deles atuarem dentro da sua empresa? Se for apenas a sobrevivência, o alinhamento fica comprometido.


Afinal, se eu, enquanto colaborador, não sei para onde quero ir, de que adianta receber uma bússola de minha empresa?


Há que se descobrir o porque as pessoas atuam dentro de sua organização.

Sinta o campo…

Você também pode sentir o campo para compreender melhor como realizar o alinhamento.

Concluindo

Dessa forma, você deve analisar que tipos de mecanismos vai realizar para reforçar o alinhamento dentro de sua empresa.

Não é um processo rápido e simples.

Não há uma fórmula de bolo e cada caso é um caso.

Mas é possível de ser realizado.

E os que conseguem, geram grande diferencial no mercado pelo nível de engajamento com que os colaboradores atuam.

 

Isso faz sentido para você?

 

Se fizer, cadastre-se em nossa newsletter abaixo.

Leave a Reply

Your email address will not be published.